Secretária virá à Câmara falar sobre planos da Educação para 2023

No debate sobre o convite de Iza, foram cobradas também ações para 2022 (Foto: Ivana Gravina)

A gestora da Secretaria Municipal de Educação, Leandra Lopes Vieira, será recebida pela Câmara de Macaé no Grande Expediente do dia 18 de outubro. O requerimento foi apresentado nesta quarta-feira (28) por Iza Vicente (Rede) à Mesa Diretora e teve aprovação unânime. “A secretária aceitou prontamente o nosso convite”.

Segundo Iza, a ideia é aproveitar a semana do Dia do Professor (15/10) para saber qual o planejamento da pasta para o fim deste ano e para 2023. O presidente Cesinha (Pros) elogiou a iniciativa. “Estamos a três meses do término de 2022 e precisamos evitar que falte o básico”. Segundo ele, muitas escolas precisam adequar-se às demandas da acessibilidade.

“Temos também dificuldades com contratos de manutenção, problemas no transporte escolar e com uniformes”, prosseguiu, afirmando que a pasta poderá ter um orçamento de cerca de R$ 700 milhões no ano que vem, para atender a 60 mil estudantes.

O líder do governo Luciano Diniz (Cidadania) frisou que é um grande desafio: “Trata-se de 105 escolas”. Amaro Luiz (PRTB) também discursou favoravelmente. “A educação faz parte do tripé da administração pública”, disse ele, considerando que os outros dois pontos são a saúde e o transporte.

Últimas Notícias