História e cantoria no Centro Cultural do Legislativo

Após conhecerem a exposição a Casa e Tempo, os visitantes cantaram nas escadarias da Câmara antiga

A mostra A Casa e o Tempo recebeu na manhã desta segunda-feira (3), no Museu do Legislativo, um grupo do Centro de Convivência e Cultura, do Programa de Saúde Mental do município. A visita fez parte da Oficina Cantos e Contos, coordenada pela fonoaudióloga Luciana Aguiar. Segundo ela, a maioria dos participantes são idosos com desgaste nas cordas vocais, mas a iniciativa está aberta a pessoas de outras idades.

“Não fazemos atendimento ambulatorial, nossa atuação é para estimular a convivência por meio da cultura e da arte”, disse Luciana, informando que a equipe tem também um musicoterapeuta, uma terapeuta ocupacional e uma enfermeira. A visita guiada foi realizada pelo historiador e servidor da Câmara Meynardo Rocha de Carvalho. “Com a presença deles, nossa mostra cumpre seu papel social e cultural de promover o encontro da história coletiva com as histórias individuais”.

O grupo, conduzido pelo historiador, fez um percurso conhecendo a história da cidade e do prédio. Uma das atrações foi a reprodução do quadro “Desembarque de escravos negros na Ilha de Santana”, de 1840, do pintor dinamarquês Paul Harro-Harring, mostrando pessoas nuas, acorrentadas num barco, sendo chicoteadas. A obra tem grande relação com a construção, porque seu primeiro proprietário, Francisco Domingues de Araújo, foi traficante de escravizados.

Ao final, os visitantes cantaram, no plenário histórico e na escadaria do museu, sucessos de Carmen Miranda como “E o mundo não se acabou”, composição de Assis Valente, e “Disseram que voltei americanizada”, composta por Luís Peixoto e Vicente Paiva, além de “Tipo Zero”, de Noel Rosa, entre outras.

93 anos de história

Celina Tavares da Silva, de 93 anos, mora em Macaé desde janeiro. “Sou de Conceição de Macabu, mas já conhecia esta casa, de quando estive aqui, em 1960. Está muito mais bonita. Também gostei bastante da programação, muito bem elaborada”.

A mostra A Casa e o Tempo: 189 anos de histórias: 1835-2024 já recebeu aproximadamente 600 visitantes. Começou no dia 15 de maio e vai até 30 de novembro, das 9h às 12h e das 13h às 17h, de segunda a sexta-feira. O Museu do Legislativo fica na Praça Gê Sardemberg. Av. Rui Barbosa, 197, Centro. Visitas guiadas devem ser agendadas pelo telefone 2772-4885 ou por e-mail: coord.museu@cmmacae.rj.gov.br. A entrada é franca.

Últimas Notícias

Mesa diretora

Competências/Atribuições ( Art. 9 do Regimento Interno)

I – propor Projetos de Resolução que:

a) criem, modifiquem ou extingam cargos, empregos ou funções de seus serviços e fixam os respectivos vencimentos;

b) fixem ou atualizem a remuneração do Prefeito e dos Vereadores, e a verba de representação do Vice-Prefeito e do Presidente da Câmara, obedecido o inciso do Artigo 63, item XVII, da Lei Orgânica do Município;

c) disponham sobre a transposição, o remanejamento ou a transferência de recursos do Orçamento da Câmara, de uma categoria de programação para outra.

II – elaborar a proposta orçamentária da Câmara a ser incluída no orçamento do Município e apresentar ao Plenário com cópia aos Vereadores;
III – solicitar abertura de créditos suplementares ou especiais, quando os recursos forem insuficientes ou não tenham sido previstos no Orçamento da Câmara;
IV – promulgar as resoluções e os decretos legislativos;
V – pode apresentar indicações, emendas, projetos e etc. para discussão e votação pelo plenário da câmara;
VI – autografar os Projetos de Lei aprovados, para serem encaminhados ao Prefeito Municipal;
VII – determinar, no início da Sessão Legislativa anual, o arquivamento das proposições não apreciadas na anterior;
VIII – prestar contas à população do Município dos trabalhos realizados no ano anterior, pela Câmara, através da divulgação resumida dos mesmos, no mês de janeiro de cada ano;
IX – requisitar força policial, quando necessária a preservação da ordem e regular funcionamento dos trabalhos da Câmara.

Clique aqui para ter acesso à Resolução nº 1965/2016, que regulamenta a aplicação, no âmbito da Câmara Municipal de Macaé, da Lei Federal nº 12.527 e dá outras providências.

Cadastro realizado com sucesso

Seu cadastro será analisado por nosso setor de licitação.

Cadastro realizado com sucesso

Neste período, de acordo com o art. 61 do Regimento Interno (conforme redação dada pelo art. 4 da Resolução n. 2013/2022) ocorre o recesso legislativo e por essa razão não é disponibilizado a frequência dos vereadores.

A Câmara Municipal de Macaé informa que, até o momento, não foram realizados concursos ou processos seletivos recentes. O último concurso ocorreu em 2012. Para acessar informações sobre concursos anteriores, clique no link abaixo e consulte os arquivos correspondentes.